Sábado, 22 de Junho de 2024
°C °C

Idoso cego conclui ensino médio e sonha ser engenheiro agrônomo: 'Quero ser um bom exemplo'

Roseli Alves concluiu o ensino médio no Educar Sesc Iguatu, em agosto. Ele cursou uma turma da Educação de Jovens e Adultos (EJA) e agora se prepara para o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM).

29/09/2023 às 13h57 Atualizada em 02/10/2023 às 16h27
Por: Redação Umirim Notícias Fonte: G1/CE
Compartilhe:
A família de Roseli foi essencial para que ele focasse nos estudos.
A família de Roseli foi essencial para que ele focasse nos estudos.

Dizem que nunca é tarde demais para recomeçar e Roseli Alves da Silva é prova disso. Aos 68 anos, o aposentado terminou o ensino médio no Educar Sesc do município de Iguatu, no Ceará, em uma turma da Educação de Jovens e Adultos (EJA), em agosto, e se prepara para fazer o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM).

'Eu gostaria de ser engenheiro agrônomo ou matemático. A educação melhorou muito a minha vida, me transformou', contou ao g1.

Roseli tem um problema na visão desde a infância e por isso não enxerga. Desde que começou a estudar, aos 60 anos, precisou contar com professores e monitores preparados. Hoje, o estudante lê e escreve em braille, sistema de escrita utilizado por pessoas cegas ou com baixa visão, e também de forma manual.

O homem, que trabalhava com floricultura, explica como surgiu a vontade de começar a estudar:

'O Dauyzio (filho dele) sempre me dava a ideia, mas eu não levava a sério. Então, as professoras Carla e Zulene vieram aqui e me incentivaram a estudar. Já fui pronto para aprender a andar só, porque só andava com auxílio de outra pessoa. Comecei a estudar, gostando mesmo. Fui para aprender. Comecei do zero'.

As primeiras palavras de Roseli foram nomes de municípios e animais ou 'o que vinha na cabeça', como disse o estudante. Adora estudar Conhecimentos Gerais e escreve ao menos uma redação por dia. Usa também aulas em vídeos como forma de aprimorar o que aprende com sua monitora.

Foram oito anos até a formatura. Orgulhoso, o filho participou do momento e entregou o canudo de formatura ao pai.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.