Segunda, 18 de Outubro de 2021
30°

Poucas nuvens

Umirim - CE

Dólar
R$ 5,46
Euro
R$ 6,33
Peso Arg.
R$ 0,06
Ceará ALERTA

Secretaria de Saúde emite nota de alerta após alta de casos suspeitos da doença da “unira preta” no Ceará

Nenhum dos pacientes evoluiu para forma grave e/ou óbito.

16/09/2021 às 09h15
Por: Redação Umirim Notícias Fonte: GC Mais
Compartilhe:
Foto ilustrativa
Foto ilustrativa

A Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa) emitiu na noite desta quarta-feira (15), uma nota de alerta sobre a síndrome de Haff, conhecida popularmente como “doença da urina preta”. Por se tratar de um evento de saúde pública e que precisa ter todos os casos suspeitos notificados, os profissionais de saúde devem ficar atentos aos pacientes que relatarem dor e rigidez no sistema muscular, dificuldade de andar, falta de ar, perda de forças, dor no estômago, dormência, diarreia e mudança na tonalidade da urina.

“É importante, ainda, investigar se houve consumo de crustáceos e pescados. A toxina encontrada nos animais pode ser advinda de algumas espécies de algas marinhas que servem de alimentos para os peixes e crustáceos”, indica a orientadora da Célula de Informação e Respostas às Emergências em Saúde Pública da Sesa, Sheila Santiago.

O documento reforça que, nos casos em que houve a ingestão dos alimentos, com confirmação de sobras, deve-se avisar a Vigilância Epidemiológica do município para articulação de coleta. Importante que as notificações sejam feitas em até 24 horas a partir da suspeita inicial do caso ou surto.

Entre os meses de julho e agosto deste ano, nove casos suspeitos da síndrome foram notificados no Ceará. sendo quatro em homens e cinco em mulheres. Do total, oito precisaram de internação hospitalar e um foi acompanhado em ambulatório. Dois pacientes necessitaram de cuidados na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), uma mulher de 24 anos e um homem de 81 anos. Nenhum dos pacientes evoluiu para forma grave e/ou óbito.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.