Sexta, 25 de Setembro de 2020
x
Ceará CANINDÉ

Professor morre por Covid-19 um dia antes de esposa dar à luz filhos gêmeos

Júlio César dos Reis Martins faleceu no domingo (7) após complicações no quadro clínico em uma UTI de Crateús

11/06/2020 16h41 Atualizada há 3 meses
Por: Redação Umirim Notícias Fonte: Diário do Nordeste
Professor de Português, Redação e Espanhol, César “era querido e amigo de todos e todos gostavam dele”.
Professor de Português, Redação e Espanhol, César “era querido e amigo de todos e todos gostavam dele”.

A Covid-19 fez mais uma vítima no interior do Ceará. No domingo, (7), o professor Júlio César dos Reis Martins, de 27 anos, morreu em razão da doença provocada pelo novo coronavírus. O falecimento do educador aconteceu um dia antes de seus filhos gêmeos nasceram.

Téo e Bento vieram ao mundo na segunda-feira (8), em um hospital de Fortaleza, pelo ventre da esposa de César, Andrelice Fernandes, de 25 anos. O casal morava na localidade de Campos Belos, na zona rural de Caridade, nos Sertões de Canindé. 

"Ela está muito abalada, emocionada, tentando entender tudo que aconteceu, mas tem muita fé e vai superar”, acredita Maria Luciene Souza Augusto, diretora da Escola de Ensino Médio de Tempo Integral Nilton Franco, unidade em que César ensinava como professor temporário há dois anos.

Professor de Português, Redação e Espanhol, segundo Luciene, César “era querido e amigo de todos e todos gostavam dele”. Para a prima dele, Lucivânia Rodrigues, os parentes e amigos tinham esperança da sua recuperação. 

Contudo, apesar do quadro clínico, que aparentava estabilidade, a evolução da doença foi uma suspresa muito triste. “Tudo isso é tão sofrido, não deu tempo de ele conhecer os filhos, mas são os planos de Deus, que não conseguimos entender”.

Parentes do professor relataram que César era asmático e dizia ter medo da Covid-19. Ele permaneceu em casa por resistência a ir a uma unidade de saúde, mas o quadro acabou se agravando por três dias. Convencido, o educador foi a um hospital, em seguida foi transferido para Tauá e, depois, para a UTI de Crateús, pois necessitava de hemodiálise. 

César foi sepultado na noite do domingo (7) no cemitério da localidade onde morava e ensinava. Apesar das medidas de isolamento social, os moradores foram às calçadas para a despedida. De acordo com o IntegraSUS, plataforma gerenciada pela Secretaria da Saúde do Ceará, o município de Caridade tem 127 casos confirmados da Covid-19, dos quais 11 evoluíram para óbito. Além disso, a cidade ainda conta 185 casos em investigação e 72 recuperados.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.