Teste 1
JUSTIÇA

Justiça adia julgamento de habeas corpus do prefeito afastado de Uruburetama

José Hilson Paiva é acusado de estupro; abusos aconteciam durante consultas médicas

29/08/2019 08h00Atualizado há 3 meses
Por: Redação Umirim Notícias
Fonte: Ceará News 7
Foto: G1/CE
Foto: G1/CE

O médico e prefeito afastado de Uruburetama, José Hilson Paiva, teve adiado nesta segunda-feira (26) o julgamento de seu habeas corpus, apresentado pela defesa. O Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE) admitiu o declínio de competência, precisando enviar o pedido da Câmara Criminal Reunida para uma Seção Criminal.

José Hilson continua preso e afastado da prefeitura. Ele é acusado de abusar sexualmente de pacientes durante consultas ginecológicas. Além disso, registrava os crimes em vídeo.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.